Image hosting by Photobucket

12 fevereiro, 2005

Acabou Chorare
Por Ishtar dos 7 Véus, a hedonista


Fantasiada de "Vá pro raio que o parta", Hedôzinha entrou na BICA do português Armando e quase infartou dona Lourdes.


Aaaaaaaaai... cansei! Fofitos... Que Carnaval canseira foi esse? Euzita mal me recuperava de uma party e já tinha outra me esperando! Eu não queria ir... não queria... não queria... Mas what a girl pode fazer se tem free pass pra tooooooodos os eventos dessa Wonderful City? E rebolei a lot na BICA, Jacaré, Kamélia, Baba Gula, A2, Piranhas, Bhaixa da Hégua, Lobão, Carvalho, Baile do Hawaii, Ideal Club, Rio Negro, Carnaboi, Pagodão do Seu Jorge (ué... tenho que honrar minha negritude loura... A lôôôôca!)... Como diria uma friend minha: - "Affffffeeeeeeee..." Eu sei, eu sei que estou atrasadedéééérrima com os posts no club... But meu micro tá uó eu tô tendo que postar de um cyber... Aaaah linditos, não me peçam explicações... Ando sem tempo até pra pintar a raiz do cabelo... Mulher de aquário pós-carnaval: Ocupadééééérrima! Larry Crumb, eu a-mei o seu e-mail! E deixa de ser bobito e continue indo no Coração Blue que o povo de lá é do bem! Já me diverti muuuuito naquele place! E depois... esse negócio de big face (carão) tá out... A tendência é ser simpááááático!!! Como diria uma amiga minha: - Se não posso ser a Rainha, pelo menos ganho o Miss Simpatia... Tá... Tá... Bom conselho, mas siga o meu: Seja Rainha and Miss Simpatia! E quinta-feira de cinzas quaaaaase foi uma noite perdida. Fui linda, loura, dorothyzada e acompanhada por umas bibetes friends, celebrar o niver de um dear amiguito na boate dos palestinos, ali na Djalma Batista. Tava uó...uó...uó! Pleeeeeease...deixe uma mulher-loura-linda-e-up-date ouvir house music! Na soundtrack, só latinidades sem pedigree! Um baticumbum-tribal-de-quinta que me deixou muuuuuito irritada, muuuuuuito... Ai, ai... Saudades do fofito Augusto Omena... Pelo menos, o lindito tocava uma drag-music boa. Aliás, o clima da Muzak, ops, Muzika estava stranger...Uns gringuitos perdidos, os michelitos de sempre... Alan Stanovitch nãããão tirou a camisa na pista... Uma drag dublava " Fuck It" no palco... Uma bibete-bread-with-eggs subiu no queijo e recebeu o espírito de Deborah Cox (Pleeease...Como? Debbie está viva!!!)... Gritei, esperneei e joguei minhas madeixas para o lado direito (e, quando faço isso, é porque o momento é crítico!): "Pleeeeease, alguém salve uma garota indefesa (eu...of course) de uma wednesday uó!!!" Well...Como euzita não sou a Bonnie Tyler, que fica "Holding for a hero...”, tomei uma atitude drástica: reuni Espantalho, Homem de Lata, Leão e Totó... E saímos rumo "a estrada de tijolinhos amarelos”. E como vocês sabem, essa estradinha passa pela Guilherme Moreira Street... Mais precisamente perto da little boate entitulada Crocodilo’s! E a lacoste tava um luxo! Modernitos, bibetes e afins do beeeeeem...E, of course, um house/eletro tuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuudo! O DJ? Ai, ai, ai... Tava tão absorvida pelo sound que neeeem perguntei o nomezito dele! Spark? Schild? Glauciney não era... Well... O que importa: Last night, Crocô and a DJ save my life! Beijitos!

Momentito texto : "Não me diga que Eu-sou-bom-demais-pra-você! Eu sou. Mas não me diga!!!" (Clive Owen em "Closer")

PS: Geeeeente... Cadê Cecezinho, Irmão Paulo, Batatinha e Torquato Piauí? O carnaval baiano ainda não acabou não?...